Motorista que recusa bafômetro perde habilitação e é multado em R$ 1.915

Postado em

Caso os sinais de embriaguez sejam evidentes, a recusa passa a caracterizar crime de trânsito, com prisão em flagrante

prf-bafômetro

Com as mudanças na Lei Seca, não existe mais tolerância para a quantidade de álcool no organismo de quem dirige. O motorista que se negar a assoprar o bafômetro terá de pagar multa de R$ 1.915 e terá a carteira de habilitação recolhida, mesmo que não apresente sinais de embriaguez. Caso os sinais sejam evidentes, a recusa passa a caracterizar crime de trânsito, com prisão em flagrante.

No primeiro mês de aplicação da nova lei, a PRF aplicou 141.676 testes e retirou mais de 3 mil motoristas embriagados de circulação em todo o País, sendo que 1.408 foram presos em flagrante.

A PRF ainda pede que os motoristas dirijam dentro dos limites de velocidade. No Carnaval de 2012, as colisões frontais mataram 86 pessoas e feriram 264 nas rodovias federais. Outra recomendação é para que a população evite se deslocar durante os horários de maior movimento: na sexta-feira das 16h às 22h, no sábado das 6 às 10h, na terça das 16 às 22h e na quarta das 6 às 14h.