VOLKSWAGEN LANÇA CARRO CAPAZ DE RODAR 111,1 KM/L

Apontado como um dos modelos mais econômicos do mundo, XL1 tem produção confirmada

VW XL1 faz 111,1 km/l (Foto: Divulgação)VW XL1 faz 111,1 km/l (Foto: Divulgação)

Revelado hoje, o VW XL1 poderia ser mais uma daquelas pegadinhas que as montadoras aprontam em 1º de abril. Mas, aparentemente, não é. O modelo, que já foi mostrado anteriormente como conceito, foi homologado para rodar na Europa e já teve a produção de 50 unidades confirmada.

Não se apegue apenas ao visual futurista, modelado em fibra de carbono. O que realmente chama atenção no modelo é sua autonomia. Equipado com motores diesel e elétrico, que entregam juntos 75 cavalos, o híbrido plug-in é capaz de atingir o impensável consumo de 111,1 km/l. O segredo está no baixo peso, de 795 kg, e na aerodinâmica que permite um coeficiente de 0,189 cx, segundo a VW. Além disso, ele recebe pneus de baixa resistência montados em rodas de magnésio. A medida deles é de 115/ 80 na frente e 145/ 55, atrás.

Abertura das portas para cima deixa XL1 com visual ainda mais futurista (Foto: Divulgação)Abertura das portas para cima deixa XL1 com visual ainda mais futurista (Foto: Divulgação)

Com essas credenciais, o XL1 aparece como o veículo mais econômico e aerodinâmico de todos os tempos. Ele tem apenas 3,888 m de comprimento, 1,665 m de largura e apenas 1,153 m de altura. Para efeito de comparação, no Polo europeu essa dimensões são de, respectivamente, 3,970 m, 1,682 m e 1,462 m.

A VW afirma que o XL1 pode percorrer até 50 km apenas no modo elétrico e que sua emissão de poluentes é de baixas 21 gramas de CO2 a cada quilômetro rodado. A velocidade máxima seria limitada a 160 km/h e o 0 a 100 km/h cumprido em 12,7 s.

O sistema de abetura das portas é um dos destaques do modelo, que ainda troca os retrovisores externos por câmeras que captam as imagens e as exibem em monitores no interior do carro.

O modelo tem produção confirmada na fábrica da Karmann, em Osnabrück, na Alemanhã. Comprada pela VW, a unidade também produz o VW Golf Cabriolet e o novo Porsche Boxster.

 

Fonte: http://revistaautoesporte.globo.com

Agremiações debatem Regulamento do Campos Folia 2013

Dirigentes de Escolas e Blocos de Samba se reúnem nesta sexta-feira, a partir das 10 horas, na Secretaria de Cultura, à Rua Tenente Coronel Cardoso, 91, Altos, para cuidar de detalhes do evento Campos Folia 2013 – Carnaval Fora de Época -, marcado para os dias 26, 27 e 28 de abril, no Centro de Eventos Populares Osório Peixoto (Cepop).

As entidades listadas para os desfiles (as que tiveram suas contas aprovadas referentes à verba do ano passado), já podem entrar com os documentos na Procuradoria Geral do Município, visando o recebimento da contribuição, que deverá ser paga, a cada uma delas, levando em conta as suas categorias, em duas parcelas: em março e abril.

Comissão de Carnaval – A reunião, com a presença do secretário de Cultura, Orávio de Campos, e dos presidentes das fundações Jornalista Oswaldo Lima e Zumbi dos Palmares, Patrícia Cordeiro Alves e Jorge Luiz Pereira, terá como pauta a leitura e discussão do Regulamento e outras disposições preparatórias para os desfiles.

Para o professor Orávio de Campos, apesar de algumas agremiações terem sido afastadas, momentaneamente, pela falta de clareza nas prestações de contas das verbas recebidas em anos anteriores, “as apresentações têm sido das mais elogiadas na medida em que as entidades buscam os caminhos naturais da profissionalização do carnaval”.

As inscrições para os desfiles também serão feitas nesta data. Pelo organograma, vão desfilar no dia 26, sexta-feira, após a abertura da festa com o desfile da Corte Real (Rainha da Folia, Emily Portinari; Rei Momo, Rodolfo dos Santos; Rainha do Carnaval, Tainá  da Hora) e o Cidadão Samba Geraldo Gamboa e os seguintes blocos: Do grupo de Acesso,  Juventude da Baleeira e o Unidos do Capão; Do grupo Especial, Castelo do Parque Aurora, União Feliz, Caprichosos de Guarus e Os Psicodélicos.

No sábado, dia 27, o desfile será aberto com a apresentação do Grêmio Recreativo Escola de Samba Estação Primeira de Guarus, uma agremiação nova, que só deverá competir a em 2014. Logo após, estarão na avenida as escolas do Grupo Especial: União da Esperança, Madureira do Turfe, Ás de Ouro, Mocidade Louca e, fechando, Ururau da Lapa.

No dia 28, encerrando o evento, estarão na passarela, que este ano homenageia o compositor Manuel Tancredo, as escolas do Grupo de Acesso: Boi Sapatão, Tradição Alvi-Anil, Amigos da Farra e Onça no Samba. “Os critérios do acesso serão os mesmos a serem empregados com os blocos de samba”.

Secretários e empresários de Farol-Barra do Furado reunidos

Representantes das prefeituras de Campos e Quissamã, além do governo do estado, se reuniram nesta quarta-feira (20) no Rio de Janeiro para uma reunião com empresários que estão se instalando no Complexo Farol-Barra do Furado, entre os dois municípios. O encontro aconteceu no escritório de representação da Prefeitura de Campos. Segundo o secretário de Desenvolvimento Econômico e Petróleo de Campos, Marcelo Neves, é mais uma reunião de trabalho para atualizar o cronograma de obras com os ajustes necessários.

Durante a reunião técnica, representantes de cinco das seis empresas confirmadas para o empreendimento compareceram, entre elas BR Offshore (estareiro); Alupar Investimentos S.A., STX Brasil Offshore (estaleiro coreano); Eisa (Estaleiro Ilha S.A.) e Estaleiro Dockstore compareceram, além de representantes do consórcio Terra e Mar, responsável pela obra e que é formado pelas empresas Odebrecht, OAS e Queiróz Galvão.

Marcelo Neves destacou que as empresas estão se mobilizando para iniciar as obras das respectivas unidades, como a BR Offshore, prevista para começar os trabalhos neste semestre. “As obras estão seguindo o cronograma, que prevê para este semestre a conclusão do píer, que é a base para instalação das bombas do sistema send by-pass”, infomou o secretário.

– Os empresários reforçaram a importância do Complexo Farol Barra do Furado, um dos maiores empreendimentos do país no setor levando em consideração que, no Rio de Janeiro, é o porto que apresenta melhores condições logísticas pela proximidade com as plataformas de petróleo da Bacia de Campos. Em breve, pode se tornar um porto de maior movimentação na questão de construção e reparos de embarcações – informou.

Também participaram da reunião o subsecretário estadual de Transportes, Delmo Pinho; os coordenadores de Infraestrutura de Campos, César Romero, e de Quissamã, Rogério Paes; e a secretária de Desenvolvimento Econômico e Urbanismo, Carla Cabral. Para o empreendimento, estão sendo investidos R$ 166 milhões de recursos públicos  para a dragagem, viabilização do sistema by-pass (transpasse de sedimentos) e estabilização da embocadura, o que vai permitir o tráfego de embarcações. Deste investimento, Campos ficou responsável por 70% e Quissamã por 30%.

Farol ganha nova rede de abastecimento de água

“O Farol está crescendo. Estamos estruturando todo balneário”. A afirmação foi feita pela prefeita Rosinha Garotinho nesta quinta-feira (21), durante a inauguração da nova rede de abastecimento de água do Rádio Velho ao Lagamar e do novo poço de Boa Vista, na Baixada Campista, que duplica o fornecimento de água no Farol de São Tomé de 80 para 160 litros por segundo. Os serviços integram o Plano de Expansão do Abastecimento da Concessionária Águas do Paraíba, em parceria com a Prefeitura de Campos.

Segundo Rosinha, há 20 anos, a praia não possuía atrativos. “Quando Garotinho foi prefeito, ele precisava inventar o Farol. Começou a trazer shows e poucas pessoas compareciam. Um desses shows foi do cantor Moraes Moreira, que, impressionado com a extensão da orla, deu a ideia de colocar na praia o trio elétrico, que hoje sustenta o turismo do Farol. Foram mais de 40 mil pessoas atrás dos trios. No show da dupla sertaneja Jorge e Mateus, o público estimado foi de 80 mil pessoas”, pontuou.

A prefeita lembrou que o crescimento populacional da praia campista já é uma realidade. “De um lado, nós temos o Complexo Portuário do Açu e do outro está o Complexo Farol-Barra do Furado. Por isso é que estamos buscando investimentos com o governo federal, para uma possível construção do terminal pesqueiro modelo, para melhorar o pescado e dar melhores condições de trabalho ao pescador, além de os deputados federais Anthony Garotinho e Paulo Feijó estarem tentando recursos para a implantação do saneamento em toda orla do Farol”, disse.

De acordo com o superintendente da Águas do Paraíba, Mário Fazza, a população e os turistas do Farol não terão mais problemas com água. “A ideia da nova rede de abastecimento no Farol é garantir água de qualidade e preparar para o futuro, devido ao crescimento populacional. Até o final do governo de Rosinha Garotinho, Campos será referência em saneamento básico”, garantiu.

Homem armado é preso dentro de ônibus em Campos

Polícia acredita que ele assaltaria o coletivo. Preso diz que entregaria arma a traficantes

arma-2102

Um homem foi preso no início da tarde desta quinta-feira(21), no interior de um ônibus da empresa São João, na BR-101 (Campos/Vitória), em Guarus, próximo a passarela do Posto Novo Mundo. Segundo a Polícia Militar,  Alzemir Silva Junior foi preso em flagrante com um revólver calibre 38, da marca Taurus, com cinco munições.

A prisão foi realizada por policiais  militares do Grupamento de Ações Táticas (GAT II), Sargento Josué, Cabos M. Ribeiro, Genivaldo e Jorge, e do Serviço Reservado(P/2). O ônibus seguia do Centro da cidade para o Parque Aeroporto. O acusado negou que iria assaltar o ônibus, conforme denuncia que chegou à Polícia. Ele alegou que a arma seria entregue numa boca de fumo do Parque Aeroporto.

Posteriormente, os militares foram ao endereço indicado no Parque Aeroporto pelo homem que estava com a arma, onde detiveram três homens e apreenderam quatro celulares. O caso foi encaminhado para a 146ª Delegacia Legal de Guarus.

“Operação Apocalipse”: 23 acusados de tráfico de drogas presos em São Fidélis

Equipes da Polícia Civil de toda região e da capital participam da operação.

presos-são-fidélis-2102-1

A Polícia Civil deflagrou a “Operação Apocalipse”, na manhã desta quinta-feira (21/02), com a finalidade de prender envolvidos com o tráfico de drogas em São Fidélis. Policiais civis de várias delegacias participam da operação, inclusive de delegacias especializadas da capital. Eles cumprem 30 mandados de prisão em bairros do Centro e Chatuba.

presos-são-fidélis-2102-2

Os policiais chegaram a Campos na noite de ontem e se concentraram no ginásio do Automóvel Clube Fluminense, de onde saíram nas primeiras horas desta manhã. A operação é comandada pelo delegado titular da 141ª Delegacia Legal/São Fidélis, Rodrigo Maia.

No final da operação, Polícia informou que 17 homens e cinco mulheres foram presos. Com eles, foi apreendida grande quantidade de drogas.presos-são-fidélis-2102-3

Um homem que seria o “gerente do tráfico” em diversos bairros de São Fidélis ainda não foi localizado.

Todos os detidos vão ser transferidos para a Casa de Custódia de Campos.Durante a operação foram jogados 5 mil panfletos que de um helicóptero em várias áreas da cidade, com o objetivo de incentivar a população a denunciar suspeitos e possíveis esconderijos de drogas.helicóptero-Polícia-Civil

As denúncias podem ser feitas pelos telefones (22) 2758-1317 e (22) 2758-1361

Além disso, a polícia colocou um banner na frente da delegacia com fotos de chefes do tráfico, gerentes  e outros suspeitos.

Segundo o delegado, os suspeitos pertencem a facção criminosa TCP (Terceiro Comando Puro).

 RELAÇÃO DOS ACUSADOS QUE TIVERAM PRISÃO DECRETADA:

1- Jeferson Rodrigo Guimarães Fabiano

(Acusado de ser o Chefe da Organização)

2- Ruliana Silva de Jesus

3- Giany Cristina Orácio Rangel

4- Alan Patick de Alvarenga Panisset

5- Edinalva Silva de Jesus

6- Darlan de Jesus Souza

7- José do Nascimento Neto

8- Carlos Fabiano da Silva

9- Joel Barcelos Ferreira

10- Luciano Ferreira dos Santos

11- Gerônimo do Oliveira Lima

12- Tiago Clemente Borges

13- Antônio Carlos Clemente Borges

14- Marcelo Caio Carvalho

15- José Márcio Ribeiro Nascimento

16- Brendo Nascimento Carneiro

17- Maxsuel Dias Areas

18- Felipe da Silva Souza

19- Luis Cláudio da Silva

20- Marco Aurélio Faria Carvalho

21- Jeferson Pereira da Silva

22- Antônio Carlos Pessanha

23- Valdinei da Silva

24- Eduylyo Alexander Barros Terra

25- Elbo dos Santos Leite

26- José Carlos Ferreira Faria

27- Cláudio Henrique Barcelos Cora

28- Leonardo Nascimento Gama

29-Simone Pereira dos Santos

30- Jean Dias Pereira

“Saúde na Escola” vai ao Ciep do Parque Aurora dia 5

A Prefeitura de Campos, através da Secretaria de Saúde, inicia na próxima terça-feira (5), as atividades do Programa Saúde na Escola (PSE). O atendimento será realizado no Ciep Arnaldo Rosa Vianna, no Parque Aurora. A equipe do programa é composta por 30 profissionais, como pediatra, dermatologista, enfermeiros e pessoal de apoio técnico.
Saúde na Escola
A coordenadora de Ações do PSE, Engrácia Gabriel, informa que as visitas às creches e escolas municipais vão acontecer sempre às terças-feiras, das 8h às 16h. O Programa Saúde na Escola fornece também, medicamentos cedidos pela Secretaria de Saúde. O PSE conta ainda, com a participação da unidade móvel de vacinação e do Programa Dentinho Saudável.

Rihanna comemora aniversário no colo de Chris Brown

Cantora, que completa 25 anos nesta quarta-feira, 20, festejou a data ao lado do rapper.

Crise? Que nada! Rihanna comemorou seu aniversário no colo de Chris Brown. A cantora, que completa 25 anos nesta quarta-feira, 20, festejou a data ao lado do rapper em praia no Havaí. Na foto postada na rede social Instagram, Rihanna aparece sorridente, usando a parte de cima de um biquíni e uma saia preta.

Rihanna e Chris Brown em praia no Havaí (Foto: Splash News/ Agência)Rihanna e Chris Brown em praia no Havaí
Rihanna e Chris Brown em praia no Havaí (Foto: Splash News/ Agência)Rihanna e Chris Brown no Havaí
Rihanna e Chris Brown (Foto: Instagram/ Reprodução)Rihanna e Chris Brown

Milan anula o Barcelona, vence em casa e quebra jejum contra o rival

Com ótima marcação, equipe rossonera derrota catalães por 2 a 0 e fica
em boa vantagem na Liga dos Campeões. Messi tem atuação apagada

No duelo entre os artistas do Barcelona e os operários do Milan, melhor para os rossoneri. Enquanto não faltou transpiração aos donos da casa, a típica inspiração blaugrana não deu o ar da graça. Como resultado, os italianos, com uma estratégia impecável, anularam as estrelas da equipe catalã e venceram por 2 a 0 nesta quarta-feira, no estádio San Siro, pela partida de ida das oitavas de final da Liga dos Campeões. De quebra, os milanistas quebraram um jejum de sete jogos sem vitória sobre o rival na competição. Os gols foram marcados por Boateng e Muntari.

O triunfo deixou a equipe italiana em ótima situação no torneio. Na partida de volta, marcada para o dia 12 de março, o Milan pode perder por até um gol de diferença que se classifica. Caso balance as redes pelo menos uma vez no duelo na Catalunha, pode ser derrotado por até dois gols. Ao Barcelona, resta vencer por 2 a 0 para forçar a prorrogação ou triunfar por uma diferença de três ou mais gols.

Muntari comemora, Milan x Barcelona (Foto: AFP)Muntari festeja seu gol, o segundo do Milan na partida (Foto: AFP)

Força na marcação e fé em El Shaarawy

No quebra-cabeça para deter Messi, o técnico Massimiliano Allegri dispensou o conselho do presidente Silvio Berlusconi e abriu mão de uma marcação individual no craque argentino. Ainda assim, foi nas raízes do futebol italiano, resgatou o velho “catenaccio”, como é conhecido o estilo de jogo defensivo do esporte na Bota, e soube organizar a retaguarda do Milan. Desde o início, ficou claro que os donos da casa não se lançariam ao ataque. Sem Balotelli, a prioridade era negar espaços aos catalães – o polêmico craque não pode ser inscrito pelos rossoneri na competição, uma vez que entrou em campo pelo Manchester City, mas foi ao estádio acompanhar a partida.

E a proposta dos anfitriões foi cumprida de forma irretocável na primeira etapa. Como de costume, o Barcelona controlou a posse de bola – foram 67% de domínio nos 45 minutos iniciais. No entanto, não ameaçou em nenhum momento o Milan, que rechaçava como podia qualquer ataque que ultrapassasse a primeira linha de marcação.

Balotelli assiste ao jogo do Milan com o Barcelona ao lado da namorada (Foto: Reuters)Balotelli acompanhou o jogo com a namorada e fez
festa com amigos no fim da partida (Foto: Reuters)

Por outro lado, tanto esforço na defesa cobrou seu preço no ataque. Com um meio-campo mais combativo que técnico, o Milan tinha dificuldades para articular suas jogadas. A estratégia era lançar El Shaarawy, mas o jovem pouco podia fazer sozinho contra um mar de camisas laranjas, já que não contava com alguém para ajudá-lo. Em sua melhor oportunidade, aos 15 minutos, ele recebeu ótimo passe de Boateng e invadiu a área, mas adiantou demais a bola, e Puyol cortou o perigo. Na cobrança de escanteio, Boateng bateu livre, dentro da área, mas mandou para fora.

Diante da forte marcação adversária, restou ao Barça tocar a bola. Isolado na frente, Messi procurava espaços em todos os lugares. Recuava para o meio, trocava passes com Xavi, mas era barrado na frente. Caía pela direita, entortava Constant, mas não conseguia dar continuidade à jogada. Mesmo com a bola na maior parte do tempo, o time catalão e seu principal craque não encontravam solução para furar a retranca.

Boateng não perdoa

Após o intervalo, o Barcelona continuou sem imaginação, enquanto o Milan seguia insistindo nas jogadas em velocidade com El Shaarawy, posicionado pela esquerda para aproveitar os avanços de Daniel Alves. E assim surgiu o gol do Milan.

Aos 11 minutos, o Faraó foi derrubado pelo lateral brasileiro quando tentava arrancar. Na cobrança, Montolivo bateu forte, mas, no meio do caminho, a bola bateu no braço de Zapata, que acabou dando um passe involuntário para Boateng, que não titubeou: girou bonito e, de canhota, chutou no canto esquerdo de Valdés: 1 a 0 Milan.

Boateng comemora, Milan x Barcelona (Foto: AP)Boateng abriu o placar para o Milan (Foto: AP)

Abbiati, um torcedor privilegiado

Precisando de mais força ofensiva, o técnico Jordi Roura trocou Fàbregas por Alexis Sánchez, que foi atuar como centroavante, mais fixo, algo que faltou ao time na etapa inicial. Entretanto, a alteração não teve grande impacto. Com Messi apagadíssimo, o Barcelona mal chegava à área do Milan, e Abbiati era um mero espectador da partida.

Como o plano A não funcionava, os catalães até mudaram suas características. Aos 30 minutos, talvez cansado de tocar a bola, Iniesta cortou para dentro e chutou de fora da área, mas a bola passou ao lado. Logo depois, em cobrança de falta, Xavi bateu por cima do gol.

Abbiati e messi, Milan x Barcelona (Foto: AFP)Messi esteve apagado e pouco produziu contra o Milan (Foto: AFP)

O Milan, por sua vez, continuava bem postado e ameaçava cada vez mais nos contragolpes. Em um deles, definiu a vitória e coroou o sucesso de sua estratégia. Aos 35 minutos, Niang ganhou de Puyol pela direita e tocou para El Shaarawy, que percebeu a chegada de Muntari e tocou pelo alto para o ganês. O volante nem deixou a bola cair e bateu firme, de canhota, novamente sem a menor chance para Valdés, ampliando o placar.

No fim, o Barcelona, abatido, ainda ensaiou uma pressão para diminuir o prejuízo, mas era tarde demais. O momento era de festa para a torcida do Milan e para Balotelli, que junto com seus amigos – entre eles o brasileiro Robinho, lesionado – comemorou pulando o importante triunfo rossonero.

Fonte: http://glo.bo/YBcStV

MILAN 2 X 0 BARCELONA
Abbiati, Abate, Zapata, Mexès e Constant; Ambrosini, Muntari, Montolivo e Boateng; El Shaarawy (Traoré) e Pazzini (Niang). Valdés, Daniel Alves, Pique, Puyol (Mascherano) e Jordi Alba; Busquets, Xavi e Iniesta; Fàbregas (Alexis Sánchez), Messi e Pedro.
Técnico: Massimiliano Allegri Técnico: Jordi Roura
Gols: Boateng, aos 12 minutos do segundo tempo, e Muntari, aos 35 minutos do segundo tempo.
Cartões amarelos: Mexès e Traoré (Milan); Busquets e Piqué (Barcelona)
Árbitro: Craig Thomson (ESC)
Auxiliares: Derek Rose (ESC) e Alasdair Ross (ESC)
Local: San Siro, em Milão (Itália)

Impecável, Grêmio dá aula ao Flu no Engenhão em noite de Barcos

Tricolor gaúcho domina o time carioca e, com grande atuação do Pirata, recupera-se de derrota na estreia. Equipes trocam de posição na tabela.

gremio e fluminense

Quem esperava um confronto equilibrado, deve ter deixado o estádio surpreso e impressionado. Com grande atuação de Barcos, o Grêmio deu uma verdadeira aula de marcação e eficiência na noite desta quarta-feira, no Engenhão, e venceu com tranquilidade o Fluminense por 3 a 0, gols do Pirata (Bruno fez contra, mas arbitragem deu o gol para o argentino), André Santos e Vargas. O atacante chegou ao Rio apenas na noite de terça-feira, após passar alguns dias em Buenos Aires, onde prestou assistência à família após a morte de seu cunhado num acidente automobilístico.

Com o resultado, o Grêmio embolou de vez o Grupo 8, após a vitória por 3 a 1 do Caracas sobre o Huachipato, no Chile. Todos os times agora têm três pontos, mas o Tricolor gaúcho é líder pelo saldo de gols (2), e o clube carioca virou lanterna, também pelo cirtiério de desempate (tem -2). Curiosidade, os quatro jogos da chave até o momento tiveram vitórias dos visitantes.

Barcos comemora gol do Grêmio contra o Fluminense (Foto: Alexandre Cassiano / Ag. O Globo)Barcos comemora diante de incrédulos jogadores do Flu (Foto: Alexandre Cassiano / Ag. O Globo)

A partida no Rio teve 22.151 torcedores presentes (18.947 pagantes), para uma renda de R$ 747.550. Insatisfeitos, os do Flu, que tiveram de aguentar os gritos de “olé” dos gremistas na reta final da partida, não pouparam os laterais Bruno e Carlinhos das vaias.

– Quem joga melhor ganha 90% das vezes. Eles jogaram melhor e mereceram vencer – disse o atacante Fred.

Grande nome do jogo, ao participar diretamente nos três gols, Barcos foi humilde ao comentar o resultado.

– Sabíamos que seria um jogo muito difícil, mas só dependiamos de nós. Ganhar de meio a zero na Libertadores já é importante.

O Fluminense agora enfrenta o Huachipato na próxima quarta-feira, às 22h (de Brasília), no estádio CAP, em Talcahuano, no Chile. Antes disso, no entanto, tem compromisso pelo Campeonato Carioca: enfrenta o Madureira, às 16h, em Moça Bonita, e precisa da vitória para garantir sem sustos a vaga na semifinal da Taça Guanabara. O Grêmio só volta a campo pela Libertadores no dia 5 de março, quando recebe o Caracas na Arena. As atenções estão voltadas para o clássico contra o arquirrival Internacional, neste domingo, às 16h, no Centenário, em Caxias do Sul, pelas quartas de final do primeiro turno do Gauchão.

Equilíbrio, muita marcação e gol contra

O clima quente no estádio se refletiu na partida desde o início. O tiro curto da competição, somada à derrota gaúcha na estreia, deu ares de decisão. No primeiro minuto, Souza perdeu a chance ao cabecear por cima, entregando um cartão de visitas que se confirmaria durante a etapa, na qual o time gaúcho foi mais efetivo e calou os tricolores em alguns momentos.

Houve muitos erros de passe, causados pelo nervosismo e pela marcação ríspida, em especial. Aos 13 minutos, Wellington Nem se estranhou com Cris após ter a bola roubada e reclamar de pênalti. O mesmo atacante, antes, ergueu o pé sobre Souza e o atropelou. Apesar da maior posse, o Flu se irritava com a falta de espaço e cedia cada vez mais contra-ataques.

Quando teve uma brecha, Fred não acreditou. Aproveitando-se de uma saída errada de Pará, Jean tocou de primeira para o camisa 9 que, sozinho, simplesmente parou ao receber a bola, pensando que estava impedido. Mas o próprio Pará dava condição, em suas costas.

E foi de um escanteio do lado esquerdo de ataque, aos 32, que o Grêmio abriu o placar. Elano bateu, Barcos subiu, mas foi o lateral Bruno que desvio, contra, para o fundo da rede, matando Diego Cavalieri, que saltou muito mal. O árbitro assinalou gol para o Pirata, no entanto. Logo depois, a resposta dos cariocas surgiu num chute de longe de Jean – o único que acertou o alvo nos 45 minutos iniciais. Nada que assustasse Dida, que encaixou no centro da meta.

Baile gremista sem reação carioca

Na volta do intervalo, Abel Braga tirou Wagner e pôs Deco, na tentativa de oferecer mais criatividade ao meio-campo. Embora o camisa 20 tenha participado bastante do duelo, o efeito prático foi nulo. Aos 9, Barcos foi lançado na área, driblou Leandro Euzébio, Cavalieri rebateu, mas André Santos, em posição irregular, empurrou devagarinho e ampliou o marcador.

Wellington Nem na partida do Fluminense contra o Grêmio (Foto: Alexandre Cassiano / Ag. O Globo)Nervosos, jogo teve princípio de confusão entre
Nem e Cris (Foto: Alexandre Cassiano / O Globo)

Ainda mais desorganizado, o Fluminense não era capaz de pressionar. Os jogadores pareciam muitos distantes uns dos outros. Os torcedores pediram Thiago Neves e foram prontamente atendidos. Costumeiro desafogo, Nem foi o escolhido para sair. Na sequência, Sobis foi substituído por Samuel. Mas o domínio era gaúcho. Zé Roberto parou na ponta dos dedos de Cavalieri e, no lance posterior, Vargas bateu cruzado após passe em profundidade e venceu o goleiro, aos 23, transformando a grande atuação em um desempenho histórico no Rio.

E tinha mais. Diante de um adversário apático, sem reação, Elano carimbou a trave de longe depois de bola rolada por Barcos. Com o cenário amplamente favorável, Luxemburgo poupou sua equipe e fez duas mudanças. Marco Antônio e Adriano entraram para passar o tempo e evitar abrir mão do saldo de gols construído, que alçou o Grêmio à ponta. Como um último suspiro, Fred deu sua única cabeçada certeira, mas Dida defendeu. E fim de papo.

Fonte: http://globoesporte.globo.com