Hemocentro precisa de doações com urgência

Postado em

O Hemocentro Regional de Campos, situado no Hospital Ferreira Machado, está precisando de doações de todos os tipos sanguíneos. Algumas cirurgias eletivas, que não são urgentes e são marcadas com antecedência, estão sendo adiadas por falta de sangue.

doação de sangue

A assistente social do Hemocentro, Cristiane de Barros, diz que a situação do Banco de Sangue, que enfrenta uma queda no número de doações desde o mês de dezembro de 2012, continua crítica. “A demanda por transfusões é muito maior que a quantidade de doações recebidas. A população de Campos cresceu muito nos últimos anos e o número de procedimentos cirúrgicos também aumentou consideravelmente”, afirma a assistente social.

Cristiane faz um apelo à população: “A doação de sangue é um exercício de cidadania. As pessoas precisam se comprometer com o próximo e com o Hemocentro. Estamos precisando de todos os tipos sanguíneos, mas há uma carência maior, neste momento, pelos de fator Rh negativo”, ressalta.

O Hemocentro recebe doações diariamente, inclusive aos sábados, domingos e feriados, das 7h às 18h. Para doar é preciso levar um documento original de identidade com foto, ter peso superior a 50 Kg, idade entre 16 e 67 anos, não estar em jejum e não ter ingerido alimentos gordurosos nas últimas três horas.

Doadores com 16 e 17 anos devem comparecer ao Hemocentro Regional de Campos acompanhados pelo seu representante legal, preencher formulário próprio, com o consentimento formal do responsável legal, para cada doação, com cópia da identidade oficial do responsável anexada. Candidatos com idade superior a 60 anos só poderão doar se realizaram doações de sangue anteriormente.