Papa pede aos argentinos que façam caridade em vez de ir a Roma

Em carta, Para Francisco agradece ainda as orações e afeto que recebeu.
Jorge Mario Bergoglio foi eleito pontífice pelos cardeais nesta quarta (13).

Da EFE

Perfil de Papa Francisco (Foto: AP)O então cardeal Jose (Foto: AP)

O Papa Francisco expressou nesta quinta-feira (14) seu desejo de que os bispos, sacerdotes, religiosos e “todo o povo argentino” lhe acompanhem durante sua missa inaugural na próxima terça-feira (19) “com algum gesto de caridade para os mais necessitados” em vez de viajar para Roma.

Em carta transmitida pelo núncio apostólico, Emil Tscherrig, a todas as dioceses da Argentina, o Papa solicita aos fiéis de seu país que “continuem com essa proximidade espiritual tão apreciada acompanhando-a com algum gesto de caridade para os mais necessitados”.

O pontífice agradece, além disso, “as orações e as expressões de carinho, de afeto e de caridade que recebeu” do povo argentino.

O secretário de Comunicação Pública e porta-voz presidencial, Alfredo Scoccimarro, confirmou hoje que a governante argentina, Cristina Kirchner, assistirá em Roma à missa inaugural de Francisco como sumo pontífice.

Com ela viajará uma delegação composta pelo chanceler Héctor Timerman; o presidente da Corte Suprema, Ricardo Lorenzetti; a cúpula da Igreja argentina e uma grande representação parlamentar.

Fonte: http://glo.bo/ZRYgsZ

Anúncios

Dilma promulga Lei dos Royalties, informa Planalto

Ela recebeu mensagem do Congresso e tinha 48 horas para promulgar.
Parlamentares derrubaram os 142 vetos presidenciais à legislação.

Dilma Rousseff

A assessoria do Palácio do Planalto informou na noite desta quinta (14) que a presidente Dilma Rousseff promulgou a nova Lei dos Royalties do Petróleo. Pela manhã, a Presidência recebeu o projeto enviado pelo Congresso após as alterações feitas pelos parlamentares, com derrubada dos 142 vetos presidenciais ao texto.

Após a chegada do texto ao Planalto, a presidente tinha até 48 horas para promulgar a lei, o que permitiria que ela fizesse isso até a manhã de segunda. De acordo com a assessoria do Palácio do Planalto, o texto da nova lei será publicado na edição desta sexta (15) do “Diário Oficial da União”.

Os principais estados produtores de petróleo (Rio de Janeiro, Espírito Santo e São Paulo), que deverão perder receitas com a derrubada dos vetos, aguardam a publicação no “Diário Oficial” para ingressar no Supremo Tribunal Federal (STF) com ações contra a legislação.

No último dia 7, após sessão tumultuada do Congresso, senadores e deputados derrubaram todos os 142 dispositivos vetados pela presidente na nova lei. Com isso, alteraram o sistema de distribuição dos tributos da exploração petrolífera de contratos em vigor.

A nova legislação prevê um rateio mais igualitário dos royalties do petróleo entre estados e municípios; a derrubada dos vetos estende a nova divisão para blocos atualmente em operação.

Antes mesmo de o Congresso rejeitar as alterações feitas pela presidente, ela afirmou, em entrevista no dia 5 de março, que seria “obrigada” a acatar a decisão dos parlamentares.

“Nós vivemos em uma democracia, sabe? O que o Congresso decidir, é que vai estar decidido. Essa era a minha intenção [vetar os dispositivos]. Agora, o Congresso vai avaliar isso. Se o Congresso resolver, eu lamento muito, mas se o Congresso resolver também não considerar os contratos já feitos, aí eu serei obrigada a seguir. Como eu disse, a gente não tem que gostar das leis, a gente tem de aplicá-las”, afirmou na ocasião.

Fonte: http://glo.bo/ZRUTSR

Mizael é condenado pela morte da ex-namorada Mércia Nakashima

Pena é de 20 anos de prisão em regime fechado, segundo sentença.
Decisão dos jurados saiu nesta quinta-feira no Fórum de Guarulhos.

Mizael Bispo de Souza

O policial militar aposentado Mizael Bispo de Souza foi condenado na tarde desta quinta-feira (14) pela morte da advogada Mércia Nakashima, ocorrida em 2010. A pena é de 20 anos de prisão em regime inicial fechado.

O júri popular durou quatro dias e terminou por volta das 17h40 no Fórum de Guarulhos, na Grande São Paulo. O juiz Leandro Cano afirmou, na sentença, que o réu demonstrou “insensibilidade” e conduta “desprezível e repugnante”.

Mércia era ex-namorada de Mizael e foi encontrada morta em uma represa em Nazaré Paulista, no interior de São Paulo, em junho de 2010. Ela havia desaparecido em 23 de maio, após sair da casas dos pais em Guarulhos.

O juiz falou, na sentença, sobre uma das qualificadoras do crime, motivo torpe ou fútil. Segundo o magistrado, não foi “amor”, mas “delírio de posse” que levou ao crime. “Sentimento amor não faz sofrer. O instinto de propriedade, que é o contrário do amor, é que faz sofrer.”

Presente em plenário, a família de Mércia ficou feliz com a decisão. A irmã Cláudia Nakashima comemorou a pena e gritou “assassino” e “maldito”. Enquanto isso, a mãe, Janete Nakashima, chorou. Mizael ouviu a sentença quieto e cabisbaixo.

Debates
Antes da decisão dos jurados, houve os debates entre defesa e acusação. O promotor Rodrigo Merli Antunes afirmou que Mizael tinha motivos para cometer o crime. Segundo ele, o réu se sentia rejeitado pela ex-namorada. O promotor ainda declarou que, para tirar o PM aposentado da cena do crime, seria preciso que todas as provas presentes no inquérito fossem coincidências.

“O réu Mizael Bispo de Souza matou, sim, Mércia Nakashima e tinha, sim, motivos para isso, se sentia rejeitado, se sentia ‘o lixo dos lixos’ em email trocado [com a vítima] em abril de 2010”, declarou o promotor.

Na sua fala, ele rebateu a tentativa da defesa de Mizael de desqualificar a série de provas. “Não existem excesso de coincidências. É preciso acreditar que o sangue não é sangue, que a alga não é alga, que a prostituta existe, que o rastreador falhou, que o Evandro foi torturado para que ele seja inocente”, afirmou o promotor.

Para o Antunes, as provas técnicas colocam o réu na cena do crime. “As antenas de celular demonstram que ele ficou no encalço da vítima junto com o senhor Evandro”, observou. Ele lembrou que Mizael tinha uma linha telefônica cujo número não foi informado para polícia. Com ele, Mizael fez diversas ligações no dia do crime para o vigia Evandro Bezerra da Silva. Ao ser questionado por que parou de usar essa linha após dia 23 de maio, segundo Antunes, Mizael responde: “[Parei] porque eu virei suspeito”. “Para mim, isso é confissão. Se não fez besteira nenhuma, não precisava [parar de usar]”, observou.

Caso Mércia arte (Foto: Arte/G1)

O advogado de defesa, Samir Haddad Júnior, afirmou que o réu “é incapaz de matar alguém”. A apresentação da defesa durou cerca de duas horas, e Mizael acompanhou a argumentação sentado, com a cabeça baixa e as mãos no rosto. O Ministério Público abriu mão da réplica.

O defensor afirmou que a equipe de advogados que representa Mizael ‘desmontou’ toda a tese da acusação e disse que nos autos existem “pinóquios e mentirosos”. A crítica foi na mesma linha da feita pelo advogado Ivon Ribeiro, que disse que o promotor Rodrigo Merli e o assistente de acusação “não foram capazes de abrir um volume e mostrar onde está a prova”.

Ribeiro chamou de “fanfarrão” o delegado Antônio de Olim, que investigou o caso no Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) e disse que “todo mundo quis a cabeça” de Mizael. “O doutor Olim chegou aqui com a maior cara de pau. Estou para ver um cara mais mentiroso do que ele”, afirmou. “Precisaram mudar o horário do crime para encaixar as ligações”, disse, em relação às ligações feitas por Mizael em Guarulhos e que tirariam o réu da cena do crime.

Interrogatório do réu
Nesta quarta-feira, Mizael depôs no Tribunal do Júri. A acusação afirmou que não faria perguntas em razão de ele já ter apresentado diferentes versões sobre o caso e que as provas são claras.

O réu mostrou a mão direita, onde não tem um dos dedos, afirmando que não consegue atirar com essa mão. Mizael é destro. O policial reformado usou a palavra “Deus” diversas vezes e afirmou que não tem “coragem de tirar a vida de nenhum ser humano”. Suas duas armas estavam regularizadas, relatou, e tinham até “casa de aranha dentro” pela falta de uso.

Sobre o fato de ter ficado foragido, o policial reformado disse que é atitude normal de um inocente. “Quem deve tem que pagar. Quem não deve tem que se rebelar”, afirma. “Estou sofrendo tanto com isso. Três anos. Melhor a morte do que ficar preso”, afirmou.

Mizael afirmou que foi vítima de uma armação da polícia, que “queria um culpado”. Foi o argumento usado para justificar a alga compatível com a da represa de Nazaré Paulista achada em seu sapato. “Levaram meu sapato lá [para a represa]. Eu nunca estive na represa de Nazaré. Juro pela vida da minha filha.” Mizael afirmou que foi torturado, assim como seus irmãos, e que policiais chegaram a apontar-lhe uma arma em um posto de gasolina obrigando que ele confessasse que tinha matado Mércia.

O réu disse que tinha um relacionamento normal com Mércia, e que tinha apenas brigas de casal comuns. Um jurado perguntou por que a família quer culpar Mizael. O réu recordou então que não foi ao casamento da irmã de Mércia, no qual seria padrinho, e que isso causou mágoa na família.

Testemunhas
As testemunhas de defesa e acusação falaram nos três primeiros dias de julgamento. Entre os ouvidos, estavam o delegado Antonio Assunção de Olim e o irmão da vítima, Márcio Nakashima. O delegado foi o responsável por investigar o caso pelo Departamento de Homicídio e de Proteção à Pessoa (DHPP). “Eu não tenho dúvida nenhuma de que o Mizael matou a Mércia”, disse Olim no júri.

Durante mais de cinco horas, o delegado falou sobre o percurso feito pelo réu no dia da morte de Mércia, com base no rastreador instalado no veículo. Segundo Olim, Mizael desconhecia o fato de seu veículo possuir um rastreador que foi instalado pela seguradora a pedido de Mércia. O delegado falou também sobre ligações telefônicas feitas por Mizael e que, segundo o registro das antenas de telefonia, mostram que o réu esteve em Nazaré Paulista.

Durante quatro horas, Márcio Nakashima alinhou os argumentos que sustentam sua desconfiança em relação a Mizael , que ele o descreveu como possessivo. “No início era um relacionamento normal. Depois ele se transformou, virou um sujeito possessivo”, afirmou.

Júri
Segundo o Tribunal de Justiça, o julgamento de Mizael foi o primeiro do país transmitido ao vivo. Pelo vídeo foi possível acompanhar não só os depoimentos como as brigas quase que diárias entre acusação e defesa, que já chegaram a chamar a outra parte de ‘mentirosa’.

O vigia Evandro Bezerra Silva, que também é réu do caso, acusado de ajudar Mizael, só será levado a julgamento no dia 29 de julho.

Fonte:

Órgãos públicos na praça em defesa dos royalties

O ato público “Em defesa dos Royalties e da Constituição”, que será realizado nesta sexta-feira (15), a partir das 18h, na Praça São Salvador, deverá reunir uma multidão, incluindo funcionários da Prefeitura, conscientes da importância dos recursos dos royalties do petróleo para Campos. Nesta quinta-feira (14), secretários reuniram suas equipes e para falar sobre a manifestação e todos garantiram presença.
Órgãos públicos na praça em defesa dos royalties
– É uma situação crítica, por isso, a importância da participação popular. Todos estão conscientes de como os royalties do petróleo são fundamentais para o nosso município. A adesão de cada um foi imediata – disse o secretário municipal de Trabalho e Renda, Ozéias Martins.  Não foi diferente na Campos Luz. O diretor Técnico do órgão, Márcio Gonçalo Gomes, disse aos funcionários que até a iluminação pública terá problemas.

O secretário municipal de Agricultura e Pesca, Eduardo Crespo, reuniu seus funcionário na sede do órgão, para uma reunião. No encontro, foi ressaltada a importância deles participarem do ato público. “A participação na mobilização é importantíssima. O mais interessante é que a conscientização é geral”, observou Crespo.  No Centro, ambulantes cadastrados na Coordenadoria de Fiscalização de Posturas organizaram um ato em defesa dos royalties, na tarde desta quinta-feira (14). “Todos estão conscientes e querem participar”, disse o Coordenador de Fiscalização, José Ribamar de Lima.

Empresários aderem ato em defesa dos royalties e da constituição

Marcado para esta sexta-feira (15), a partir das 18h, na Praça São Salvador, o ato público “Em defesa dos royalties e da Constituição” já mobiliza empresários no município. É o caso, por exemplo, do proprietário da Renove Recauchutadora, Marco Chalita, 34 anos, que esticou uma faixa na fachada de sua empresa com o texto da manifestação. Ele defende a manifestação e diz que sem os royalties do petróleo a cidade quebra, assim como sua empresa que emprega 48 trabalhadores diretamente. Outra empresa, que também, aderiu ao movimento com faixas foi a Schulz.
Defesa dos Royalts
– Se tudo parar, eu ficarei em dificuldades. Sem esse recurso, acho que a cidade para e ficarei sem pneus para reformar -, alertou ele. Mensalmente, sua empresa reforma em torno de 1.600 pneus de caminhões, de máquinas agrícolas, terraplanagem e de empresas de ônibus, além de ser a responsável pela geração de dezenas de postos de empregos indiretos nas borracharias, que funcionam como uma espécie de fornecedor.

Mobilização – O ato público “Em defesa dos royalties e da Constituição” tem início previsto para as 18h, na Praça São Salvador. Porém, antes haverá uma concentração em frente à Câmara de Vereadores, às 16h. De lá, os manifestantes caminharão em direção ao Centro pela Avenida Alberto Torres. O ato vai ter a participação da prefeita Rosinha Garotinho, empresários e representantes dos diversos setores da sociedade civil organizada.

Representantes da ANTT em visita técnica à BR-101

Representantes da Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT), Autopista Fluminense e Secretaria Municipal de Obras e Urbanismo de Campos realizaram uma visita técnica na manhã desta quinta-feira (14) nas imediações da BR-101 para estudo de viabilidade de um novo contorno da rodovia. A vinda da equipe é resultado  da audiência que a prefeita Rosinha Garotinho teve, em fevereiro, com o diretor geral do órgão, Jorge Luiz Macedo Bastos, em Brasília.
ANTT BR101
– Estas novas propostas de traçado beneficiarão a todos os moradores e, também, usuários de longa distância da BR-101, solucionando a questão do trânsito em Campos. Viemos conhecer e, a partir daí, iremos montar um traçado para ser apresentado à Prefeitura em uma reunião participativa. Havendo a concordância da prefeitura, iremos apresentar todo o projeto para a população. Logo iremos protocolar um licenciamento de concordância do Ibama com prazo de 18 meses para análise -, informou a superintendente de Exploração de Infraestrutura Rodoviária da ANTT, Viviane Esse.

Na vistoria técnica, realizada nesta manhã, foram apresentados todos os pontos estratégicos para a nova proposta de um novo contorno na BR-101. O grupo visitou o trevo do aeroporto e o acesso a Codin. De lá, seguiram até o contorno da Avenida José Carlos Pereira Pinto, em direção à BR-101 passando pela ponte Alair Ferreira. Pelo trecho urbano da rodovia, seguiram pelas proximidades do Shopping Boulevard em direção à entrada da cidade, passando pelo Shopping Estrada, localidade da Tapera e finalizando todo percurso no trecho urbano na ponte de Ururaí.

O secretário de Obras e Urbanismo da cidade, Edilson Peixoto, falou da expectativa e da conclusão que foi feita neste visita de hoje. “A expectativa é muito boa. Os técnicos da ANTT, da Autopista Fluminense e, nós, da prefeitura chegamos a uma conclusão. É necessária uma ação imediata. A progressão do crescimento da nossa cidade em toda área urbana interfere diretamente em toda BR-101”.

– Mostramos todo local aos técnicos  e foi admirável a vinda deles. Ficou definido que, na próxima semana, nos reuniremos com os técnicos da Autopista e, em abril, nós enviaremos a grande maioria dos projetos para a ANTT fazer uma avaliação. No mesmo mês, será feita uma reunião com a prefeita Rosinha Garotinho e os técnicos da ANTT que trarão algum posicionamento deste futuro contorno -, declarou Edilson Peixoto.

Carol Narizinho fará lançamento da PLAYBOY de março em balada paulista

Panicat Carol Narizinho, capa de março da PLAYBOY, faz festa de lançamento no Royal Club, em São Paulo

destaque-carol

Carol Narizinho vai fazer na festa. A panicat vai lançar a PLAYBOY de março na noite desta quinta-feira, 14, em festa no Royal Club, em São Paulo. A melhor parte é que a festa é aberta ao público, então você pode encontrar com a gata a qualquer momento na balada.

Além de Narizinho, outros integrantes do Pânico na Band também estarão por lá prestigiando o primeiro ensaio de nudez da amiga. O evento começa à meia noite e vai até 6h da manhã, com back to back dos DJs Milk e Tom, com muito hip hop. Na sequência, é a vez do DJ Alan Liao, com o melhor da house music

Para mais informações sobre a festa de Carol Narizinho no Royal Club, acesse o site oficial da balada.

 

Fonte: http://playboy.abril.com.br

Filmes da Vida

“Aquilo que você faz pela vida ecoa na eternidade.”

(Russel Crowe em “Gladiador”  – 2000)

 filmes da vida

Filme de hoje: “As aventuras de Pi”

 

Quem nunca passou por um momento difícil que atire a primeira pedra ou simplesmente ignore os próximos parágrafos.

Às vezes parece que basta um alfinete sair do lugar para os problemas aparecerem numa sequência múltipla. Notícia boa vem em unidade, mas se for perrengue… sai de baixo.

Cada pessoa identifica ao problema uma carga de intensidade tal que reflete sua capacidade de compreensão do mundo. Pode ser que para uma pessoa mais egocêntrica e centrada em futilidades quebrar uma unha seja tão grave quanto a questão da desnutrição infantil na África.

Quem sou eu para julgar o que é grave ou não fora dos limites da minha realidade. De fato, o foco do texto não é no problema em si, mas na capacidade de superação inerente ao homem.

São os momentos de turbulência que constroem o nosso caráter e mostram quem realmente somos. É também nos momentos de dificuldade que separamos o joio do trigo e os amigos de barzinho dos verdadeiros amigos.

Diante dos desafios passamos a nos conhecer mais intimamente. Descobrimos sermos mais fortes do que poderíamos suspeitar. É muito fácil bater no peito e dizer que jamais roubaria um pão quando se tem a geladeira farta.

Se cada um interpreta os problemas de uma forma; imagina as disparidades de interpretação de um filme que narra uma fábula fantástica sob a direção do aclamado Ang Lee. No longa, Suraj Sharma interpreta o jovem Pi Patel. Durante uma viagem em mudança para o Canadá com sua família e os animais do zoológico, o navio cargueiro onde se encontram é atingido por uma abrupta tempestade que muda todo o rumo da história.

Pi sobrevive ao naufrágio junto a Richard Parker – um feroz tigre de bengala – em um bote salva-vidas. Entre uma cena e outra, as ondas trazem novos desafios para Pi. Além das dificuldades é preciso enfrentar o medo de ser devorado pelo tigre. A maré de azar continua intensa, mas Pi mantém sua fé inabalável. Um grande espetáculo cinematográfico que sensibiliza e desperta reflexões.

Doenças, derrotas, desastres, perdas… “Problema todo mundo tem” é uma das poucas verdades universais. Só não podemos permitir que um momento de infortúnio ofusque toda uma vida de esplendor. Que valor teria a luz se não existisse a escuridão? Não sei se para tudo há solução, mas é preciso ter fé; acreditar.

Ter fé está muito acima de qualquer religião. A crença de que o sol voltará a brilhar intensamente e irá evaporar os vestígios da tempestade é o combustível que nos mantém fortes e impermeáveis ao temporal.

 

Ficha técnica:

Titulo original: “Life of Pi”

Ano: 2012

País: EUA

Direção: Ang Lee

Juliana Lopes

                                                                                                            Por Juliana Lopes

Jully Skrochowski

Fotos da modelo  Jully Skrochowski
Jully Skrochowski – Misteriosa e sedutora. Estas são duas das características marcantes da nova modelo do Bella da Semana. A lista de adjetivos para descrever toda a beleza e sensualidade da paranaense certamente não caberia aqui… Aos 27 anos, Jully Skrochowski sonha em passar um tempo viajando por toda a Europa. Se tivesse direito a três desejos, pediria por sabedoria, discernimento e saúde. ´O restante eu conquistarei!´

Data e local de nascimento: 19 de novembro de 1985, em Itapejara D´Oeste (PR).
Cidade onde mora: São Paulo (SP).
Signo: escorpião.

Medidas
Altura: 1,57m.
Quadril: 90cm.
Cintura: 60cm.
Busto: 88cm.
Pés: 34.

Tem algum apelido? Sim, Jully.

Sonho de consumo: viajar por toda Europa.

Maior loucura que já fez na vida: vir morar em São Paulo! (risos)

Para você, homem tem que ser…: inteligente, honesto, trabalhador e carinhoso.

Qual é a sensação de ser muito, mas muito gostosa? Sensação?! (risos) Eu nem sou tudo isso, não!

E o que você faz para manter tudo em cima? Então, me considero uma mulher super normal. De vez em quando vou à academia. Mas esse ano prometo me dedicar mais aos meus treinos…

Em três palavras, como você se definiria? Determinada, concentrada e sutil.

Tem alguma mania? Tenho, não saio de casa sem passar um batom, um blush e uma máscara para cílios.

Estuda? Pretendo cursar Fisioterapia.

Alguma mulher já deu em cima de você? Ah, sim! Eu acho engraçado, nada mais. Até porque gosto mesmo é de homem! (risos)

Como foi o seu primeiro beijo? Estranho!

O que fazer para não cair na mesmice durante o sexo? Procuro comprar lingeries bem sexy, gosto muito de transar em lugares diferentes… (mas os detalhes, só em off)!

O que a excita? Homem do Sul. (risos) O povo de lá é lindo demais, tchê!

Se a sua calcinha falasse, o que ela diria agora? Bah, nem te conto…

Qual é a parte mais gostosa do seu corpo? Humm… a parte mais gostosa?! Fica difícil eu responder isso, mas creio que seja minha boca.

Além de modelo, tem alguma outra profissão? Vendedora autônoma de produtos importados.

Quais os planos para o futuro? Estudar, viajar, juntar muito dindim para comprar um apê para minha mãezinha e um carro para mim.

E se você tivesse direito a três desejos, o que pediria? Sabedoria, discernimento e saúde. O restante eu conquistarei!

Como foi fotografar para o Bella da Semana? Foi ótimo, o pessoal foi bem bacana comigo e o lugar que escolheram como locação era lindo demais. O contato com a natureza é incrível! Altas risadas com a produção (risos).

Fonte: http://www.belladasemana.com.br/modelos/jully-skrochowski

Alunos do Nilo Peçanha reivindicam melhores condições

Segundo os alunos, até a limpeza estaria sendo feita por eles

alunos-nilo-peçanha

Alunos do turno da manhã do Colégio Estadual Nilo Peçanha, realizaram na nesta quinta-feira, uma manifestação reivindicando melhores condições nas salas de aula.

A manifestação começou na frente da escola, seguindo até Coordenadoria Regional de Educação. O ato tem o objetivo de chamar a atenção das autoridades para melhorias, como ventiladores, bebedouro e também uma reforma na estrutura da escola.

Segundo os alunos, os professores estariam dando aula no refeitório e escrevendo na parede, devido a falta de quadros, entre outras dificuldades. Até mesmo a limpeza estaria sendo feito por alunos, já que não há nenhum funcionário que atue na área.

Os alunos informaram ainda que haverá outra manifestação ainda hoje do turno da tarde.